O SONO DO BEBÊ

sono_do_bebe

Até o segundo mês de vida, o sono do bebê é muito peculiar. O bebê não tem dificuldade em adormecer, porém, ele também não alcança o sono profundo. Por isso o bebê não dorme por longos períodos de tempo. Assim, o tempo de sono de um bebê é definido pelo tempo que ele leva para digerir o último alimento ingerido e sentir fome novamente.

Além disso, o bebê ainda não distingue direito o que é dia e o que é noite. Por isso, ele vai acordar com fome a qualquer hora. E não adianta se desesperar ou tentar mudar isso, é preciso respeitar o tempo que o bebê demora para começar a amadurecer e entrar em uma rotina. Isso começa a acontecer por volta da sexta semana de vida, que é quando o organismo do bebê começa a produzir a melatinina, um hormônio que ajuda a estabelecer o ciclo normal entre sono e vigília.

A partir desta sexta semana é que os pais devem começar a “mostrar” ao bebê que o dia é propício às brincadeiras, a sair para fora de casa, a pegar um pouco de sol e ar fresco. Isto ajuda a regular o sono e também a “mostrar” que a noite é para dormir. Para auxiliar, certifique-se de que a noite será tranquila e entediante para o bebê. Reduzindo as brincadeiras e os estímulos, ele logo vai sentir um soninho gostoso.

Esta entrada foi publicada em Uncategorized. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *